Pesquisar este blog

Carregando...

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Governadora Rosalba Ciarlini já está no Rio Grande do Norte e terá agenda cheia nesta quarta

A governadora do Rio Grande do Norte Rosalba Ciarlini( DEM) já está no Estado e terá nesta quarta-feira(29) uma agenda lotada à cumprir:

Confira a baixo a agenda para esta quarta-feira

9h – no auditório da EMATER, no Centro Administrativo/Apresentação do resultado final da Operação Verão 2011/2012.

11h – no Centro Administrativo, Governadoria ela terá despachos administrativos.

12h - Olimpo Recepções, Candelária, Rosalba participará da VII Edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor Governador Cortez Pereira

15h às 17h- no Centro Administrativo, Governadoria, a governadora volta a despachar.

Crise no PT de Mossoró, presidente poderá renunciar ao cargo

A crise no PT de Mossoró se agrava. Surge um novo fato além da disputa interna onde um grupo defende apoio a candidatura da deputada estadual Larissa Rosado a prefeita de Mossoró e outra ala deseja candidatura própria com o reitor da Ufersa Josivan Barbosa.

O mais novo capítulo é a informação de que o atual presidente municipal do PT, Valdomiro Morais, poderá renunciar ao cargo.

Segundo a reportagem, o presidente do PT está sofrendo uma pressão da família para deixar o cargo, já que vem se expondo na disputa interna entre o grupo que defende Larissa Rosado e a ala que deseja candidatura própria. Por alguns petistas, Valdomiro tem sido acusado de “trabalhar para fortalecer o PSB”.

Por Anna Ruth

Natal escolheu Micarla prefeita. São Paulo pode escolher Tiririca, ora bolas!

Se o eleitor de Natal escolheu Micarla de Sousa como prefeita porque é que o eleitor de São Paulo não pode eleger o deputado federal Tiririca prefeito?

Ora bolas!

Em tempo: Tiririca anunciou sua candidatura a prefeito.

Fonte: http://www.robsonpiresxerife.com/blog/

Prefeitos buscam apoio para pagar parte dos gastos com piso do magistério.

Prefeitos de todo o país estão hoje (28), em Brasília, para buscar apoio parlamentar e tentar um acordo com o governo federal que permita cobrir parte dos gastos que os municípios terão com o pagamento do Piso Nacional do Magistério e a revisão da lei pelo Parlamento.

O presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, disse que só o impacto financeiro no cofre das prefeituras com a adoção dos novos salários dos professores será R$ 7 bilhões, se considerados também os gastos com os inativos. "Sem a efetiva participação da União, o piso vai desequilibrar as contas", destacou.

De acordo com o presidente da CNM, o contingenciamento de recursos orçamentários pela União agrava ainda mais a situação financeira das prefeituras.

Ele ressaltou que, por se tratar de ano eleitoral, todas as obras terão que estar em andamento ou com os recursos do orçamento devidamente empenhados.

Senador Garibaldi Alves retoma o mandato em Abril.

O senador Garibaldi Alves, pai do ministro da Previdência Garibaldi Filho, já tem data para voltar ao Senado Federal. No dia 9 de abril ele retornará aos trabalhos no Congresso Nacional.

Com isso, a suplente Ivonete Dantas deixa Brasília, em sua rápida passagem pela capital federal como senadora.

Garibaldi Alves havia se licenciado do cargo para submeter-se a um tratamento médico no Hospital Sírio Libanês em São Paulo.

TCE enviará ofícios a presidentes das Câmaras Municipais.

Neste ano de eleições na mira da Lei da Ficha Limpa, o Tribunal de Contas do Estado vai jogar suas lupas sobre os legislativos e, consequentemente, executivos.

Nos próximos dias, presidentes de Câmara Municipais receberão ofício assinado pelo conselheiro Carlos Thompson.

Nas solicitações, informações sobre resultados de julgamentos das contas anuais dos prefeitos, com base nos pareceres prévios proferidos pelo TCE, no período de 2000 a 2010.

Dados que serão coletados e anexados a outros julgamentos feitos pelo TCE sobre contas de prefeitos e vereadores, enquanto ordenadores de despesas. Em prazo oportuno, serão encaminhados à Justiça Eleitoral.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Disputa política no Banco do Brasil preocupa governo

Após as denúncias de irregularidades na Casa da Moeda e na Caixa Econômica Federal, o ministro Guido Mantega (Fazenda) enfrenta um novo foco de crise que ameaça a sua área: a disputa de poder no Banco do Brasil.

Reportagem da Folha informa que a queda de braço envolve, de um lado, o presidente do BB, Aldemir Bendine, homem de confiança de Mantega e de Gilberto Carvalho (Secretaria Geral). Do outro, Ricardo Flores, o presidente do poderoso fundo de pensão dos funcionários do banco, a Previ, a quem Bendine acusa querer derrubá-lo do cargo.

Em disputas paralelas, estão ainda alguns setores do PT que comandavam áreas do banco e foram escanteados após a chegada de Bendine.

Estruturação de precatórios no TJRN começa na segunda

A Corregedoria Nacional de Justiça dará início aos trabalhos de organização do setor de precatórios do Rio Grande do Norte (RN) na próxima semana. A partir de segunda-feira (27/2), a equipe de três servidores, coordenados pela juíza auxiliar da Corregedoria Nacional Agamenilde Dantas, estará no estado, para começar o trabalho que se estenderá até o mês de abril. A uniformização do setor de precatórios nos tribunais brasileiros está entre as prioridades da corregedora nacional de Justiça, ministra Eliana Calmon, para este ano. Desde que o programa teve início no ano passado, seis cortes estaduais já foram atendidas.

Na primeira semana de atividades no Rio Grande do Norte, o grupo vai avaliar o funcionamento do setor no tribunal de justiça, mapear a quantidade de processos e de devedores e verificar o cumprimento da ordem cronológica de pagamento, conforme estabelece a resolução 115 do CNJ. “Também vamos nos reunir com a comissão instituída pela própria presidência do TJRN para apurar as irregularidades encontradas no setor. A ideia é traçar um diagnóstico da real situação dos precatórios no tribunal”, ressalta a juíza auxiliar.

Da Tribuna do Norte

Base de Rosalba Ciarlini ainda busca candidato único para disputar prefeitura de Natal

Se na oposição os pré-candidatos admitem a possibilidade de lançamento de múltiplas candidaturas, na base da governadora Rosalba Ciarlini existe uma força-tarefa para unir os partidos que dão sustentação ao governo do DEM no pleito de Natal. O grupo possui duas pré-candidaturas postas: a dos deputados federal Rogério Marinho (PSDB) e estadual Hermano Morais (PMDB).

O nome preferido do DEM é o do tucano. O partido inclusive já firmou nacionalmente aliança com o PSDB para o pleito de 2012 que envolve Natal entre os municípios participantes desse acordo. No entanto, o presidente nacional do DEM, senador José Agripino Maia, não anunciou o nome que representará essa aliança. Ainda há uma perspectiva de fazer Hermano desistir da candidatura para apoiar Rogério.

Ainda na base governista, há quem aposte na carta coringa, que seria a desistência das duas candidaturas em apoio ao nome do deputado federal Felipe Maia (DEM). Apesar de ter seu nome incluído nas pesquisas de opinião e contar com o incentivo dos colegas de partido, o parlamentar tem dito que esse não é seu projeto político para o próximo ano.

PSD vai à Justiça por espaço na Câmara

Dia normalmente calmo no Congresso, esta sexta-feira (24) acabará movimentada pela presença na Câmara dos caciques do PSD, o partido criado no ano passado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab. Eles estarão reunidos para discutir a estratégia e o formato de uma ação junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra o presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS).

A ação reivindicará o direito de o PSD comandar e ter espaço nas comissões permanentes da Câmara de forma proporcional ao tamanho da sua bancada, que tem 47 deputados. Dependendo de quando a ação for apresentada, a instalação das comissões, prevista para 7 de março, poderá atrasar.

A guerra surda no comando do PMDB

Da boca para fora, reina a mais absoluta paz no PMDB.

Ninguém na cúpula peemedebista admite que o partido vive um momento de alta tensão interna. Nem o vice-presidente da República, Michel Temer, nem o presidente do Senado, José Sarney, nem os líderes Henrique Eduardo Alves (Câmara) e Renan Calheiros (Senado). Ninguém.

Mas Sarney e Renan têm dito a amigos que não vão deixar sem troco a decisão de Michel Temer de excluir os dois do programa de TV do partido.

Com o gesto, Temer e Henrique Eduardo Alves reeditaram a velha disputa interna entre peemedebistas da Cãmara e do Senado pela hegemonia na legenda.

O grupo do Senado sempre foi comandado por Renan e Sarney; o da Câmara, por Temer e Henrique (este, tomou o lugar de Geddel Vieira Lima).

Mas o grupo da Câmara avalia que, nesta legislatura, ganhou alguns aliados infiltrados no campo de Renan e Sarney. São eles os senadores Eunício Oliveira, Garibaldi Alves e Valdir Raupp.

Se estes conquistarem o apoiop do chamado Grupo dos Oito — dos dissidentes da legenda — podem tomar de Ranan e Sarney o controle que os dois têm do PMDB do Senado.

Do Poder On line

Primeira Câmara do TCE condena ex-gestores a restituições que chegam a quase R$ 600 mil

Vários processos de irregularidades no Fundef foram relatados na sessão da Primeira Câmara do Tribunal de Contas desta quinta-feira, 23/02 pela manhã. O conselheiro Marco Antônio de Moraes Rêgo Montenegro relatou processo da Prefeitura de Jaçanã, balancete do Fundef referente ao exercício de 1999, sob a responsabilidade dos senhores José Farias da Costa e Uady Antônio de Farias. O voto foi pela irregularidade, sendo a decisão pela restituição aos cofres municipais da quantia de R$ 387.756,80, correspondente a valores cuja legalidade do seu emprego não foi comprovada, além da aplicação de multa aos responsáveis e representação ao Ministério Público Estadual das principais peças do processo.

O conselheiro ainda relatou processo da Prefeitura de Brejinho, balancete do Fundef de janeiro a dezembro de 1998, sendo ordenadora da despesa a senhora Ivanilde Matias Xavier de Medeiros. O voto foi pela restituição da quantia de R$ 16.496,76, pelos danos causados ao erário em virtude da realização de despesas tidas por alheias ao Fundef, além do remanejamento à conta do Fundef pelo atual gestor da quantia de R$ 102.508,00 para o magistério e representação ao Ministério Público Estadual. Da prefeitura de Carnaubais, Balancete do Fundefdo ano de 2002, responsabilidade do sr.Luiz Gonzaga Cavalcante Dantas. O voto foi pelo ressarcimento ao erário da quantia de R$ 18.160,15, pertinente a valores gastos e não comprovados.

O presidente da Primeira Câmara de Contas, conselheiro Carlos Thompson Costa Fernandes relatou processo referente a prestação de contas do ano de 2003 da prefeitura de Alexandria, sob a responsabilidade do sr. Nei Moacir Rossato de Medeiros. Ante a omissão do dever constitucional de prestar contas, o voto foi pelo ressarcimento de R$ 60.040,00 e representação junto ao Ministério Público Estadual. Os gestores envolvidos ainda podem recorrer da decisão do TCE.

*Com informações da Assecom do TCE/RN

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Caixa Econômica Federal abre cadastro de reserva para Técnico Bancário Novo

A Caixa Econômica Federal, por meio da Superintendência Nacional de Desenvolvimento Humano e Profissional, realizará, sob a responsabilidade da Fundação Cesgranrio, Concurso Público com vistas à formação de cadastro de reserva para o cargo de Técnico Bancário Novo, nível médio, da Carreira Administrativa.
A remuneração para o cargo de Técnico Bancário Novo será de R$ 1.744,00 mensais para jornada de trabalho de 6 horas diárias, caracterizando 30 horas semanais.

Vantagens:
a) participação nos lucros e nos resultados, nos termos da legislação pertinente e do Acordo Coletivo vigente;
b) possibilidade de participação em Plano de Saúde e em Plano de Previdência Complementar;
c) auxílio Refeição/Alimentação;
d) auxílio Cesta/Alimentação.

Das Inscrições:http://www.blogger.com/img/blank.gif
A inscrição deverá ser efetuada somente via Internet, no período entre 0 hora do dia 27 de fevereiro e 23h59min do dia 13 de março de 2012, observado o horário oficial de Brasília-DF, na página da Fundação Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br).
O recolhimento da taxa de inscrição, expressa em reais, será no valor de R$ 37,00.
O Concurso Público consistirá de três etapas, a saber:
a) 1ª Etapa - Avaliação de Conhecimentos, mediante a aplicação de provas objetivas de caráter eliminatório e classificatório;
b) 2ª Etapa - prova de redação de caráter eliminatório;
c) 3ª Etapa - Exames Médicos Admissionais de caráter eliminatório.
Os candidatos devem verificar a Confirmação de Inscrição, a partir de 18 de abril de 2012, na página da Fundação Cesgranrio e são responsáveis por imprimi-la. No Cartão serão colocados, além dos principais dados do candidato, seu número de inscrição, polo de opção, macropolo, data, horário e local de realização das provas.
A 1ª etapa será constituída de provas objetivas de Conhecimentos Básicos (30 questões) e de Conhecimentos Específicos (30 questões), num total de 60 questões. A prova objetiva de Conhecimentos Básicos será composta de Língua Portuguesa, de Matemática, de Atualidades, de Ética, de Atendimento, de História e Estatuto da Caixa e de Legislação Específica.
A prova objetiva de Conhecimentos Específicos para todos os polos, exceto para os polos Tecnologia de Informação - TI (DF, RJ e SP), será composta de Conhecimentos Bancários I e de Noções de Informática. A prova objetiva de Conhecimentos Específicos para os polos Tecnologia de Informação - TI (DF, RJ e SP) será composta de Tecnologia da Informação e Conhecimentos Bancários II.
A aplicação das provas objetivas e de redação estão previstas para o dia 22 de abril de 2012.
O acompanhamento, por parte do candidato, das convocações para contratação poderá ser feito por meio do endereço eletrônico www.caixa.gov.br/download, Concurso Público, Admissional, e ainda, por meio da Central de Atendimento CAIXA, telefone 0800 726 0101.
É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar a divulgação de todos os Atos, Editais e Comunicados referentes a este Concurso Público que forem publicados no Diário Oficial da União e/ou informados na página da Fundação Cesgranrio.
O Concurso Público terá validade de um ano, podendo ser prorrogado, a critério da Caixa, uma única vez, por igual período, contado a partir da data de homologação do resultado final deste Concurso Público.
Para fazer sua inscrição acesse:
http://www.cesgranrio.org.br/concursos/evento.aspx?id=caixa0112_m

Wilma de Faria testa popularidade em evento religioso

Pré-candidata a prefeita de Natal, a ex-governadora Wilma de Faria participou na tarde deste sábado da missa celebrada pelo padre Reginaldo Manzotti, na zona norte de Natal, dentro da programação do Bote Fé. Na sexta-feira, ela já participara da gravação do DVD, na Área da Fé, na Praia do Forte.

A celebração reuniu milhares de pessoas na área de lazer do conjunto Panatis, onde teve a chegada da Cruz Peregrina e do Ícone de Nossa Senhora. Na opinião da ex-governadora, esse evento voltado e organizado pelos jovens é importante nesse momento em que a sociedade empreende uma luta contra as drogas e a criminalidade.

Wilma aproveitou o evento para conversar com eleitores e fazer mais um teste de popularidade. Ela tem sentido um grande “incentivo” por parte dos natalenses ao projeto de voltar à prefeitura da cidade.

Planalto segura nomeação de indicado ao Dnocs

A coluna de Claudio Humberto informa que a Casa Civil ainda não nomeou o indicado do líder do PMDB, Henrique Eduardo Alves (RN), para a direção-geral do Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs). Gato escaldado, o governo submete a indicação de Emerson Fernandes Daniel Jr a rigoroso raio-x. Ele presidiu a Cia Docas do Rio Grande do Norte e hoje é um dos gerentes da Codern, órgão de planejamento do governo potiguar.

Evitando desgaste maior no relacionamento com o Planalto, Henrique Alves pediu ao vice-presidente Michel Temer para cobrar a nomeação.